ÁGUIA DE MARABÁ PROMETE VIR FORTE PARA A DISPUTA DO CAMPEONATO PARAENSE DE 2019 - JORNAL FOLHA DO PARÁ

EXTRA

JORNAL FOLHA DO PARÁ

MAIS DE 17 MILHÕES DE ACESSOS

ANUNCIE AQUI NESTE ESPAÇO ESPECIAL - MAIS DE 22 MIL ACESSOS POR DIA - "AQUI JESUS ABENÇOA"

test banner

Post Top Ad

Responsive Ads Here

quinta-feira, 22 de novembro de 2018

ÁGUIA DE MARABÁ PROMETE VIR FORTE PARA A DISPUTA DO CAMPEONATO PARAENSE DE 2019


A diretoria do Azulão vai manter o técnico João Galvão para a próxima temporada
Após uma campanha modesta no Campeonato Paraense de 2018, no qual o Águia Marabá ficou na sétima colocação, com apenas 11 pontos, em 10 jogos realizados, a diretoria do Azulão promete um time mais forte e competitivo para o Parazão de 2019. A cúpula da equipe marabaense vai manter o experiente técnico João Galvão para a temporada que está chegando. O objetivo da equipe é conquistar uma boa posição e voltar a disputar competições nacionais.

O técnico João Galvão esteve na capital acompanhando de perto as semifinais da Segundinha do Parazão, onde observou jogadores das quatro equipes envolvidas nas partidas realizadas no Estádio Olímpico Edgar Proença, o Mangueirão. Foram analisados atletas do Tapajós, Paraense, São Francisco e Pinheirense. O elenco do Águia já vai começar a ser montado para buscar seus objetivos.
“Nós estamos tentando montar uma equipe mais competitiva do que foi no outro Campeonato Paraense que passou, para ver se a gente consegue voltar ao cenário do futebol nacional e conseguir uma vaga no Campeonato Brasileiro da Série D e na Copa do Brasil. Estamos todos em um objetivo só: de formar um Águia de Marabá muito mais forte esse ano,” afirmou o técnico João Galvão.
Mesmo o Paysandu Sport Club, tentando se segurar na Série B e ameaçado contra o rebaixamento, e o Clube do Remo que, apesar de ser o atual campeão paraense, teve dificuldades durante toda a disputa do Campeonato Brasileiro da Série C, seguem como grandes favoritos a conquistar o próximo campeonato estadual, analisa João Galvão sobre os dois rivais da capital.
“Paysandu e Remo tem sempre que entrar como favoritos, pela a grandeza que têm e a história dos dois clubes, e mais a receita que possuem e com maiores investimentos. Para as equipes do interior mudarem essa história, tem sempre que ir buscar talentos, como a gente sempre tem feito nesse longo tempo – procurar peças certas, jogadores que vêm com o objetivo de tentar vencer na vida. Ainda não consegui um título aqui no futebol paraense, mas vamos atrás,” disse ele.
O treinador do Azulão não revelou nomes para a temporada de 2019, mas alguns jogadores que estavam emprestados ao Clube Atlético Paraense (CAP), da cidade de Parauapebas, para a disputa da Segundinha do Parazão, devem retornar para a equipe do técnico João Galvão.
É o caso do goleiro Guibson, do meia Felipinho e do atacante Gustavo, o Gugagol, além do preparador de goleiros Wellington Ramos.
Por Fábio Relvas
Foto: Jonne Roriz/VEJA
 ===============================================================================




















Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

Responsive Ads Here